Classificação da dívida no ponto mais elevado

Vista parcial da cidade de Paris
Vista parcial da cidade de Paris

O “rating” da dívida francesa foi mantido em “AAA”, o que corresponde ao nível mais elevado das tabelas de notação de dívida, anunciou, ontem, a agência Bloomberg.
O “outlook” foi mantido em “estável”, o que significa que a Fitch não prevê fazer alterações à notação do país, referiu a Bloomberg.
A Ficth realça a “economia saudável e diversificada” de França, mas o relatório divulgado ontem deixa alguns avisos. Apesar dos esforços do Governo para reduzir o endividamento, através do aumento da idade da reforça, por exemplo, a agência de “rating” alerta para a necessidade de reduzir efectivamente a despesa.
“A continuação da consolidação orçamental é necessária para estabilizar e depois começar a reduzir a dívida pública, que atingiu 81,7 por cento do PIB no final de 2010”, afirmou Maria Malas-Mroueh, responsável pela equipa de análise à dívida soberana da Fitch. A banca francesa também não deve ser alvo de alterações de “rating”, com a agência de notação financeira a considerar que os bancos franceses têm “uma exposição directa muito limitada” ao risco de Portugal e Irlanda.

 

 

 

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA