Chiluba enterrado em Lusaka

O antigo presidente da Zâmbia, Frederick Chiluba, falecido a 18 do corrente, foi enterrado segunda-feira na capital do país, Lusaka. Centenas de pessoas, incluindo dirigentes da região, assistiram ao serviço fúnebre e ao enterro.
Entre as personalidades presentes na cerimónia fúnebre figuram o actual Presidente zambiano, Rupiah Banda e sua esposa, o Presidente da República Democrática do Congo, Joseph Kabila, o primeiro-ministro zimbabweano, Morgan Tsvangirai, o ex-presidente tanzaniano, Benjamin Mkapa e o primeiro presidente zambiano, Kenneth Kaunda. Na cerimónia, o Presidente zambiano convidou a nação a deixar de lado “todos os maus sentimentos em relação a Chiluba e a pensar nele com afeição”. Rupiah Banda sublinhou que “durante toda a sua vida, Chiluba lutou pela igualdade para todos e esta aspiração foi determinante na sua acção de sindicalista para a melhoria das condições de trabalho para os zambianos”.
Frederick Chiluba faleceu com 68 anos de idade e dirigiu a Zâmbia de 1991 a 2001. Nos últimos seis anos, o antigo presidente estava a ser tratado duma doença cardíaca por especialistas sul-africanos.
O antigo chefe de Estado, referiu o actual líder do país, “foi sindicalista antes de ser presidente e vai ser recordado pelo seu dinamismo a favor de reformas económicas importantes, incluindo a privatização de várias empresas do Estado”.
Chiluba foi enterrado no Embassy Park, no mesmo cemitério que o seu sucessor,  Levy Mwanawasa, falecido a 19 de Agosto de 2008.

 

 

 

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA