Célsio Mambo apresenta disco

O cantor de gospel Célsio Mambo realiza hoje, às 21 horas, no restaurante Miami Beach, em Luanda, um espectáculo de apresentação ao público do seu primeiro disco, intitulado “Mais do que vencedores”.
Segundo um comunicado de imprensa, o concerto conta com as participações das cantoras Sandra Cordeiro e Marília Alberto, bem como da banda Mário Rui “MR”.
Além de apresentar alguns temas do disco, diz o referido documento, Célsio Mambo vai falar sobre os aspectos ligados à gravação e edição, bem como manter um diálogo com os fãs, membros dos órgãos de Comunicação Social e promotores de eventos.
“O evento vai servir igualmente para o artista prestar homenagem aos Órgãos de Comunicação Social, pelo apoio incondicional que têm prestado na divulgação das actividades culturais”, lê-se no documento.
Célsio Mambo também vai apresentar músicas inéditas, a fim de captar apoios e patrocínios para a gravação dos seus próximos projectos. Com isso, pretende capitalizar apoios de empresários e promotores de eventos para a realização de uma gala que deseja promover, alusiva ao aniversário do Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos.
Célsio Mambo realizou o seu primeiro concerto musical no pretérito mês de Maio, com a participação de Pérola, Marília Alberto e Valdemar Tavares. Representou Angola no evento “Africa Day 2011”, em Hong Kong (China), numa actividade alusiva ao Dia de África, organizado pelos Consulados de Angola, Nigéria e África do Sul, naquele país asiático.
O cantor participou em outros concertos, com destaque para a sua actuação no FestiAngola, em Portugal, e foi uma das atracções principais da música angolana no Pavilhão de Angola, na Expo Xangai, na China.

Para além de canções da sua autoria, Célsio Mambo interpreta músicas do cancioneiro angolano e sucessos universais como “O sole mio”, “Con te partiró” e “La done mobile”. Com 28 anos, Célsio Mambo lançou este ano o seu primeiro disco, intitulado “Mais do que vencedores”, com a chancela da LS-Produções.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA