Cantor Leonard Cohen vence prémio literário

Leonard Cohen foi distinguido, na quarta-feira, com o Prémio Príncipe das Astúrias das Letras.
O canadiano também estava nomeado para Prémio Príncipe das Astúrias das Artes pela carreira musical. O galardão é o reconhecimento a personalidades cujo trabalho criativo ou de investigação representa uma contribuição relevante para a cultura universal nos campos da literatura ou da linguística.
O júri justificou a atribuição do prémio, com a riqueza das letras das canções de Cohen e com os seus trabalhos e livros publicados.
O compositor e intérprete canadiano é mais conhecido como músico do que como escritor. Publicou o seu primeiro livro de poesia, “Let us compare mythologies”, em 1956 e, em 1963,“The Favourite Game”.
Na edição deste ano do prémio, o escritor português António Lobo Antunes foi um dos 32 candidatos de 25 nacionalidades.
Na do ano passado, o vencedor foi o libanês Amin Maalouf. Vargas Llosa, Camilo José Cela, Günter Grass, Doris Lessing, Paul Auster, Cláudio Magris e Amos Oz foram alguns de outros galardoados em edições anteriores.
Os Prémios Príncipe das Astúrias, atribuídos anualmente, contemplam as áreas da comunicação e humanidades, ciências sociais, artes, letras, investigação científica e técnica, cooperação internacional, concórdia e desporto. Cada um dos oito galardoados recebe 50 mil euros.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA