Berlusconi cede chefia do partido após derrota

O Primeiro-Ministro da Itália, Silvio Berlusconi, remodelou a estrutura dirigente do seu partido, o Povo da Liberdade (PDL), passando a chefia da direcção ao seu ministro da Justiça, Angelino Alfano.
A decisão de Berlusconi de nomear Alfano como secretário nacional do PDL foi recebida “com entusiasmo” na reunião do alto comando do partido, informou um responsável da formação de centro direita, Maurizio Lupi. A decisão acontece após a derrota do partido nas eleições municipais realizadas em finais de Maio.
Berlusconi nomeou Alfano, que deve abandonar em breve a pasta da Justiça, porque é “jovem” (41 anos), “apreciado por todos” e com as qualidades necessárias para relançar o PDL.
Esta é a primeira vez desde a sua entrada na política, em 1994, que Berlusconi nomeia um secretário-geral num partido do qual é líder. Nos próximos dez dias deve ser convocado um congresso nacional do PDL para aprovar a reestruturação da direcção do partido.
A 30 de Maio, Berlusconi foi derrotado nas eleições municipais, perdendo em Milão, o seu reduto, em Nápoles e noutras grandes cidades italianas.
Depois desta derrota, Berlusconi não confirmou se vai ser candidato à reeleição, em 2013.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA